Início » Com Jayme e Mendes à frente, “União Brasil” também será maior partido em MT

Com Jayme e Mendes à frente, “União Brasil” também será maior partido em MT

por Jorge Maciel
Convenção conjunta entre DEM e PSL, em Brasília após aprovação da fusão entre os dois partidos

O DEM e o PSL aprovaram, em convenções, em Brasília, a fusão da entre as duas legendas. O novo partido se chamará União Brasil, terá como presidente o deputado federal Luciano Bivar, que era presidente do PSL. Já o secretário-geral da sigla será ACM Neto, que presidia o DEM nacional. O número do novo partido será o 44.

De Mato Grosso, participaram do evento, governador Mauro Mendes (DEM), o senador Jayme Campos (DEM), o deputado estadual Eduardo Botelho e o ex-deputado federal Fabio Garcia, que comanda o DEM em Mato Grosso. Mendes e Jayme irão compor a Comissão Executiva Nacional Instituidora do novo partido como suplentes.

A fusão deve levar à formação da maior legenda do país. Entretanto, o processo deve levar à saída de vários filiados dos dois partidos, inclusive congressistas. O União Brasil também nasce como a maior sigla de Mato Grosso, com 6 deputados estaduais, 1 deputado federal e um senador. Porém, o cenário deverá mudar já que alguns parlamentares que eram filiados ao PSL deverão buscar outras legendas.

Inicialmente, o partido terá 81 deputados federais, sendo 83 do PSL, entre eles Nelson Barbudo (MT), e será a maior bancada da Câmara Federal.  A bancada no Senado chegaria a oito senadores, incluindo Jayme Campos.

Já na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, a nova legenda também teria a maior bancada, com seis nomes: Eduardo Botelho e Dilmar Dal Bosco, do DEM, e Delegado Claudinei, Gilberto Cattani, Elizeu Nascimento e Ulysses Moraes, do PSL.

0 comentário
0

VOCÊ PODE GOSTAR

Deixe um comentário

error: O conteúdo está protegido !