Fórum de Colíder está sem telefone fixo; veja outros canais de atendimento

O Fórum da Comarca de Colíder (634 km de Cuiabá) está sem telefone fixo, nesta terça-feira (23.01), mas o atendimento presencial e de modo virtual segue normalmente.
 
De acordo com o gestor geral da unidade, Edson Nascimento, os cabos de todas as linhas estão rompidos e a operadora de telefonia não deu nenhum prazo para a manutenção da rede.
 
Como solução temporária a unidade judiciária disponibiliza o endereço do balcão virtual, e-mail ou WhatsApp:
 
1ª VARA
E-mail: col.1vara@tjmt.jus.br
Balcão Virtual: https://tjmt-teams-apps-balcao-virtual.azurefd.net/aviso-fora-horario/Colider-1Vara
 
2ª VARA
E-mail: col.2vara@tjmt.jus.br
Balcão Virtual: https://tjmt-teams-apps-balcao-virtual.azurefd.net/aviso-fora-horario/Colider-2Vara
 
3ª VARA
E-mail: francieli.gaiardoni@tjmt.jus.br
Balcão Virtual:
https://tjmt-teams-apps-balcao-virtual.azurefd.net/meeting-queue/Colider-3Vara?data=eyJxdWV1ZUlkIjoiMDYzODQxNjMxNjEzMTc5MDI5NyIsImFzc3VudG8iOiIiLCJhbmNvcmEiOiJDb2xpZGVyLTNWYXJhIn0=
 
JUIZADO ESPECIAL CÍVEL E CRIMINAL
E-mail: col.je@tjmt.jus.br
Telefone: 65 99255 3375
Balcão Virtual: https://tjmt-teams-apps-balcao-virtual.azurefd.net/aviso-fora-horario/Colider-JuizadoEspecialCiveleCriminal
 
 
CENTRO JUDICIÁRIO DE SOLUÇÃO DE CONFLITOS E CIDADANIA – CEJUSC
E-mail: col.je@tjmt.jus.br
Telefone: 65 99255 3375
Balão Virtual:
https://tjmt-teams-apps-balcao-virtual.azurefd.net/meeting-queue/BV-CEJUSC-Colider?data=eyJxdWV1ZUlkIjoiMDYzODQxNjMxODY5NjE0NjgwOSIsImFzc3VudG8iOiIiLCJhbmNvcmEiOiJCVi1DRUpVU0MtQ29saWRlciJ9
 
CENTRAL DE ADMINISTRAÇÃO
E-mail: colider@tjmt.jus.br
 
Marcia Marafon
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT – MT

Almanaque

Almanaque

O Almanaque Cuyabá é um verdadeiro armazém da memória cuiabana, capaz de promover uma viagem pela história em temas como música, artes, literatura, dramaturgia, fatos inusitados e curiosidades de Mato Grosso. Marcam presença as personalidades que moldaram a cara da cultura local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *