Judiciário não para: desembargadores do TJMT julgam 453 processos durante recesso

Os desembargadores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso julgaram 453 processos durante o plantão do recesso administrativo, compreendido entre as 14h do dia 19 de dezembro até às 11h59 desta segunda-feira (8 de janeiro).
 
Com maior volume de demandas, o recebimento de processos criminais de urgência de 2º grau foi de 225 processos julgados pelos desembargadores Paulo da Cunha e Rui Ramos Ribeiro.
 
O desembargador Paulo da Cunha apreciou 113 processos no plantão e o desembargador Rui Ramos julgou 112 processos.
 
Na sequência, os feitos cíveis privados de urgência foram os que tiveram o segundo maior volume no recesso, sendo 144 processos, julgados pelo desembargador Rubens de Oliveira Santos Filho.
 
Por fim, as ações urgentes de Direito Público geraram 84 processos julgados pela desembargadora Graciema Ribeiro de Caravellas.
 
Servidores da Segunda Câmara Criminal, das Turmas Reunidas de Direito Público e Coletivo e da Primeira Câmara de Direito Público e Coletivo assessoraram os magistrados no período de plantão.
 
Mylena Petrucelli
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT – MT

Almanaque

Almanaque

O Almanaque Cuyabá é um verdadeiro armazém da memória cuiabana, capaz de promover uma viagem pela história em temas como música, artes, literatura, dramaturgia, fatos inusitados e curiosidades de Mato Grosso. Marcam presença as personalidades que moldaram a cara da cultura local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *