Reunião Estratégica amplia metas para 2024 com foco no Selo Diamante de Qualidade CNJ

Com periodicidade quadrimestral, a presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargadora Clarice Claudino da Silva, abriu a primeira Reunião de Análise Estratégica (RAE) de 2024, realizada de forma virtual, com a participação de desembargadores (as), juízes (as), coordenadores e líderes das áreas técnicas, enfatizando sobre a importância do trabalho em equipe para a superação de desafios internos e o atendimento dinâmico da sociedade.
 
Na RAE são avaliados os resultados obtidos em relação ao Plano de Diretrizes e Metas estabelecido para o biênio 2023/2024, que alinhado ao Planejamento Estratégico do Poder Judiciário de Mato Grosso, também atende o cumprimento dos macrodesafios nacionais colocados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), conforme previsto na Resolução 325/2020.
 
“Estamos diante da oportunidade de fortalecer nossos alicerces, adotar inovações e aprimorar nossos processos, sempre com a perspectiva de proporcionar uma justiça que atenda plenamente as necessidades da sociedade a que servimos. Encerramos o primeiro ano da gestão, mantendo o foco nas diretrizes que pautam a gestão: a pacificação social, a gestão de pessoas, a gestão por processos e a tecnologia da informação. A colaboração e o engajamento de cada um de nós são fundamentais para o processo de crescimento conjunto do Poder Judiciário de Mato Grosso. Juntos, como uma equipe comprometida com a eficiência e a excelência, superaremos os desafios, transformando obstáculos em oportunidades de crescimento”, evidenciou a presidente Clarice Claudino.
 
A vice-presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Maria Erotides Kneip, ressaltou o espírito de união entre as equipes e a necessidade de que todos estejam coesos rumo ao enfrentamento dos desafios que se apresentam no horizonte. “Temos uma equipe unida, forte e comprometida em fazer com que o Tribunal de Justiça não só avance, como principalmente, cumpra seu papel maior, que é a entrega de uma justiça célere e cada vez mais humana. E para a vice-presidência está pronta para dar a sua contribuição”, ressaltou a vice-presidente.
 
O corregedor-geral da Justiça (CGJ-MT), desembargador Juvenal Pereira da Silva, parabenizou o trabalho realizado pela presidente Clarice Claudino à frente do Judiciário mato-grossense, e o desempenho da equipe técnica pela exposição e análise dos dados. “Quero parabenizar a desembargadora Clarice, assim como toda a equipe técnica pelos números apresentados, e desde já coloco o trabalho de toda a corregedoria à disposição para auxiliar nos avanços necessários”, definiu o corregedor-geral.
 
Como é de praxe, a Reunião de Análise Estratégica é conduzida pela Coordenadoria de Planejamento (Coplan) do Tribunal de Justiça, responsável por sintetizar e acompanhar a evolução dos principais indicadores locais e nacionais da gestão.
 
Cenários internos e externos com capacidade de impactar sobre o cumprimento das estratégias, como a desaceleração da economia mundial pelo terceiro ano consecutivo pós pandemia, a invasão da Ucrânia, a guerra no Oriente e a queda da produção de soja e milho em Mato Grosso, foram avaliados pelo coordenador da Coplan, Afonso Maciel, como condições que devem ser tratadas com atenção por todos, assim como o crescimento em 5% a.a. da Receita Corrente Líquida (RCL) e a redução gradativa da taxa de juros, com potencial de impactar positivamente para o desempenho das metas.
 
“É imensamente importante mantermos a integração e a transversalidade das áreas técnicas do Poder Judiciário, se quisermos melhorar nossos indicadores, cumprir nossas metas e atingir nossos maiores objetivos, entre eles, a conquista do Selo Diamante de Qualidade”, defendeu Afonso.
 
Selo Diamante de Qualidade – No ano em que o Tribunal de Justiça de Mato Grosso comemora 150 Anos de instalação, a meta é superar os números que compõem os principais indicadores avaliados pelo CNJ.
 
Entre as principais metas nacionais avaliadas pelo CNJ estão: o Índice de Atendimento à Demanda, que mede a relação entre processos baixados e novos processos; a Taxa de Congestionamento Bruta, que mede o percentual de processos que ficaram parados sem solução, em relação ao total tramitado no período de um ano; e o Tempo de Tramitação dos Processos, que avalia o tempo médio da distribuição do processo até a sentença.
 
Para o Prêmio CNJ de Qualidade 2024, serão considerados os dados atualizados e compilados pela Base Nacional de Dados do Poder Judiciário – DataJud, no período de 1º de agosto de 2023 a 31 de julho de 2024, relativos ao desempenho dos eixos Governança, Produtividade, Transparência e de Dados e Tecnologia.
 
Das 11 metas nacionais avaliadas pelo Prêmio CNJ, seis (06) delas sofreram alterações para a edição 2024, ampliando os percentuais que deverão ser cumpridos pelos Tribunais, são elas: Julgar processos mais antigos; Estimular a Conciliação; Priorizar o julgamento dos processos relacionados ao feminicídio e à violência doméstica e familiar contra a mulher; Estimular a inovação no Poder Judiciário; Impulsionar os processos de ações ambientais e os processos relacionados aos direitos das comunidades indígenas e quilombolas, e Promover os direitos da Criança e do Adolescente.
 
O corregedor-geral da Justiça de Mato Grosso (CGJ-MT), desembargadora Juvenal Pereira da Silva também participou da reunião.
 
#ParaTodosVerem – Esta matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência visual. Primeira imagem: Foto horizontal colorida. Imagem da sala virtual de reunião com os rostos dos participantes da Reunião de Análise Estratégica.
 
 
Naiara Martins
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT – MT

Almanaque

Almanaque

O Almanaque Cuyabá é um verdadeiro armazém da memória cuiabana, capaz de promover uma viagem pela história em temas como música, artes, literatura, dramaturgia, fatos inusitados e curiosidades de Mato Grosso. Marcam presença as personalidades que moldaram a cara da cultura local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *